O que é uma consultoria alimentar e quando contratar?

Nas últimas décadas, a indústria do setor alimentício tem passado por mudanças profundas e significativas que, ao serem observadas de uma visão mais ampla, evidenciam a importância do que está sendo feito. 

Essas mudanças, envolvem a forma como os consumidores observam as coisas, suas preferências e a aquisição constante de conhecimentos em relação à segurança alimentar. Todos esses aspectos levaram ao surgimento de algumas medidas e iniciativas, sendo a principal delas a consultoria alimentar.

Quer entender mais sobre a importância da consultoria alimentar para o seu negócio? Nos próximos parágrafos vamos abordar alguns dos pontos mais importantes. Confira!

O que é consultoria alimentar?

De forma direta e clara, a consultoria alimentar é exercida por meio de um consultor de alimentos (ou consultor de alimentação, como também é chamado o profissional).

A consultoria alimentar vai trabalhar de forma a promover que os direitos dos clientes sejam alcançados e que a empresa se adeque ou corrija aquilo que, talvez, nem percebesse que poderia estar errado.

Nesse sentido, podemos dizer que as linhas de atuação da consultoria alimentar envolvem de tudo um pouco: sistemas usados, design das instalações, gerenciamento de operações e processo de entrega, por exemplo.

Por meio da presença de um consultor de alimentos, os empreendimentos e restaurantes que, ou não tinham o conhecimento necessário ou não sabiam como aplicá-lo, poderão ver como as coisas devem ser feitas. De forma mais direta, a consultoria alimentar tem como principal finalidade promover o bem-estar da organização que, no momento, precisa de ajuda.

Como funciona?

Na maior parte das vezes, a consultoria alimentar costuma atuar em restaurantes que tenham custos de alimentos, um design próprio e uma engenharia de menu. Consultores alimentares, às vezes, surgem nesses locais como uma necessidade, uma vez que atenderão clientes específicos e que exigem algumas particularidades que os profissionais que ali atuam não estão bem familiarizados.

A seguir, listamos alguns casos fictícios que ilustram bem o amplo campo de atuação da consultoria alimentar. Observe que eles geralmente têm relação com os pilares do negócio.

Para exemplificar, vamos ver o caso de Ana. Ela tem um local que funciona como uma lanchonete, serviços de alimentação e, até mesmo, supermercado. Ela sofre com a sobrecarga e com a falta de especialização. Para lidar com esses e todos os demais problemas decorrentes de uma gestão incorreta é que a consultoria alimentar pode ajudar.

Em nosso outro exemplo, o do Júnior, a situação é outra, pois ele lida com franquias e faz tudo praticamente sozinho. Com isso, não tem tempo para analisar cuidadosamente o que exige as boas práticas e o que própria ANVISA exige. Ao contar com a ajuda de um consultor ele conseguirá expandir seu negócio de forma sólida e padronizada.

Já no exemplo envolvendo o caso da Sabrina que lida com a produção, armazenamento e controle de qualidade em uma indústria de alimentos, a presença de um consultor é ainda mais importante. Devido às suas funções, ela tem como lidar com qualidade, gestão de produção, vendas, marketing e implementar as mudanças necessárias sendo orientada de forma correta por um profissional qualificado.

Obviamente que esses casos servem apenas para ilustrar. Há ainda uma série de outros pontos sobre os quais uma consultoria de alimentos pode lançar suas luzes e dar um melhor direcionamento: constantes reclamações partindo dos clientes, problemas como a vigilância sanitária, problemas estruturais, falta de organização e, até mesmo, a baixa produtividade de todos os envolvidos. Ter um consultor em alimentos nesses momentos é essencial para que você consiga alavancar sua cozinha e seu negócio.

Quando e como contratar?

Alguns dos principais elementos indicativos de que é o momento de buscar a ajuda de uma consultoria alimentar são:

  • Precisar desenvolver e manter algum tipo de procedimento de segurança alimentar;
  • Ao precisar de ajuda na hora de trabalhar o design do ambiente tendo sempre como ponto de partida as boas práticas em alimentação;
  • Desenvolver melhor o conteúdo do cardápio de forma que ele esteja de acordo com o perfil de clientes que é recebido no restaurante;
  • Quando perceber que precisa de ajuda na engenharia dos cardápios, custos dos produtos e a própria geração de receita;
  • Estruturar melhor as instalações e dependências do ambiente de forma que estejam em conformidade ao que prevê a legislação;
  • Criação de itens e pratos viáveis e cheios de sabor;
  • Melhores técnicas para a manipulação dos alimentos;
  • Meios eficientes de atender públicos especiais, a exemplo daqueles que possuem alergias a determinados tipos de alimentos.

Antes de contratar uma consultoria de alimentos, a regra básica é sempre pesquisar pelas opções disponíveis no mercado de alimentação. É importante lembrar que estamos falando sobre um setor que é muito grande e, por isso, demanda ainda mais atenção por serviços especializados.

Conversar com colegas de negócios, amigos e familiares, além fazer uma busca detalhada na internet são ações que ajudam significativamente a obter os melhores resultados.

Além disso, vale lembrar que, ao contratar uma empresa ou um consultor de alimentos, o negócio ganha por completo. Afinal, os benefícios vão da modificação, passando pela estrutura do empreendimento até o direcionamento de novas rotas que aproximem o negócio de seu sucesso!

Quais são os serviços oferecidos por uma consultoria de alimentos?

Algumas das atuações de uma consultoria de alimentos foram citadas em algumas partes deste conteúdo. Mas para termos uma visão mais ampla sobre a importância desse recurso vamos apontar ainda alguns outros pontos. Sendo assim, podemos dividir os serviços de consultoria alimentar em algumas frentes, dentre as quais estão as seguintes:

  • Diagnóstico das habilidades técnicas e das condições do serviço de alimentação prestado;
  • Avaliação de requisitos de segurança alimentar, de qualidade e higiene sanitária;
  • Gestão dos serviços e organização da oferta de refeições saudáveis;
  • Planejamento, assessoria, implantação e avaliação do serviço alimentar, dentre outros.

Concluindo

A contratação de uma consultoria de alimentos não é algo tão complexo quanto boa parte das pessoas costuma imaginar. Na realidade, é uma prática que poupará tempo e ainda traz a grande vantagem de não permitir que o empreendimento atue em desacordo com os regulamentos locais que possam prejudicar o crescimento de seus negócios. Então, toda a atenção e cuidado são válidos nesse momento!

Deseja entender mais a fundo como a consultoria alimentar pode ajudar o seu negócio hoje? Então saiba mais sobre a Consultoria da Ouvidoria Alimentar.

Contate-nos para Palestras, Treinamentos e Consultorias Alimentares em seu estabelecimento pelo e-mail: assessoria@ouvidoriaalimentar.com.br.

Acompanhe nossas mídias sociais e baixe o e-book em www.ouvidoriaalimentar.com.br.

#OuvidoriaAlimentar
#DraAdrianaAbud
#ConsultoriaAlimentar

Autora: Dra. Adriana Abud é Médica Ouvidora, Expert em Food Safety, Food Defense e Food Fraud.

Imagem: Giovana Barbosa

Compartilhe o post nas redes:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on email

Deixe seu comentário:

Copyright © Ouvidoria Alimentar 2020.